Quando almejamos adquirir um bem de grande valor, como uma casa própria ou um carro e não temos o dinheiro suficiente para aquisição deste bem a vista, precisamos de um crédito para conseguirmos realizar este sonho. Dessa forma, há duas opções que se destacam: o consórcio de imóvel e o financiamento. Mas como saber qual deles é melhor opção para o seu caso? É isso que vamos descobrir agora. Acompanhe.

A primeira grande questão a se ter em mente é com relação ao prazo para conseguir o seu bem. É algo de imediato ou ainda está em seus planos? Você pretende investir em um imóvel porque vai se casar ano que vem ou é algo que gostaria de investir a longo prazo? Essas perguntas são essenciais, pois são essas respostas que irão te conduzir a fechar o seu negócio com a melhor opção de crédito: consórcio de imóvel ou financiamento.

O Consórcio de Imóvel é a melhor opção para investimentos a médio e longo prazo. Isso porque o prazo que vai desde a aquisição do consórcio até a contemplação da carta de crédito, em geral, leva anos. No entanto, é uma ótima opção caso você possa esperar por estes anos, uma vez que o consórcio de imóvel não possui taxa de juros, sendo um grande diferencial em relação ao financiamento. No entanto, é necessário arcar com uma taxa denominada taxa administrativa, que é justamente o pagamento à administradora que gerencia o consórcio. Mas essa taxa ainda acaba sendo bem inferior às taxas de juros do financiamento. Outra vantagem para compra de imóvel a longo prazo com o consórcio, é que você possui algumas chances de ser contemplado antes. Uma delas é por meio de sorteio e a outra é por meio de lances.

O sorteio, no consórcio de imóvel, nada mais é do que pura sorte. Cada administradora possui um período para sorteio, geralmente é 1 ou 2 vezes no mês. Se você for sorteado, leva a carta de crédito e pode dar início ao seu sonho da casa própria. Se não for sorteado, continua do grupo normalmente.

Já o lance, como o próprio nome diz, consiste em dar lances nos períodos onde puder dar lances. Geralmente também acontece uma vez por mês. Assim como em um leilão, quem der o maior lance vence e leva a carta. Às vezes, nem é quem dá o maior lance. Se alguém do grupo tiver antecipado parcelas e der um lance que somado, dá o maior lance, essa pessoa leva a carta de crédito no consórcio de imóvel.

Vale lembrar que tanto no sorteio quanto no lance, não é porque você foi contemplado no consórcio de imóvel que pode deixar de arcar com o valor das parcelas. Você continua pagando normalmente, até o fim.

Financiamento: Uma alternativa ao consórcio de imóvel?

Com relação ao financiamento, é uma ótima opção quando você tem pressa para aquisição do imóvel e não pode contar com a sorte em ser sorteado no consórcio e não tem dinheiro extra para dar lances. No entanto, diferente do consórcio de imóvel, no financiamento você precisa ter um valor para dar como entrada. Já no consórcio, o pagamento da primeira parcela concretiza a sua participação.

É difícil falar que o financiamento é uma alternativa ao consórcio de imóvel ou vice-versa. Os dois são ótimas opções para conseguir crédito, mas cada qual dedicado a um tipo de público e seus objetivos.

Como disse lá em cima, no início do texto, o que vai ser o seu norte é o prazo que está disposto a pagar para aquisição do imóvel. Se puder esperar, o consórcio é o melhor negócio devido à ausência de taxa de juros. Mas se precisar do imóvel mais rápido, o financiamento também é uma boa opção, já que você recebe o crédito assim que assinar os contratos e já pode adquirir seu bem.

Se optar pelo consórcio de imóvel, o legal é que você faça simulações para entender melhor como funciona. Você pode fazer uma pequena simulação online e solicitar que um especialista entre em contato, visando te explicar como funciona o consórcio, o passo a passo para entrar no grupo e as opções e prazos para sorteios e lances da administradora. Assim, você poderá tirar todas as suas dúvidas e decidir entre as duas opções.