O Seguro Automóvel é um dos tipos de seguros mais comercializados no mercado nacional e tem como principal objetivo proteger o patrimônio pessoal das pessoas que possuem um automóvel, além de garantir coberturas também à vida de passageiros e terceiros que possam se envolver em um acidente.

Apesar de muitas pessoas pensarem que o seguro automóvel é igual e que o que muda é apenas a seguradora, existem diversas modalidades e variações que vão fazer toda a diferença para sua cobertura ser mais completa ou para que o prêmio (custo) do seguro seja mais compatível com a sua realidade. Você pode começar comparando as opções aqui: Comparação de Seguro Auto.

Para escolher o seguro automóvel é muito importante avaliar primeiramente qual a sua expectativa e quais riscos você gostaria que que fossem cobertos. Existem desde seguros básicos que cobrem apenas roubo, furto e incêndio, por exemplo, até coberturas completas que além das básicas, cobrem também colisões, indenização a terceiros, assistências ao veículo, indenizações a passageiros, guincho, carro reserva, proteção a vidros, faróis e retrovisores, enfim, uma grande diversidade de coberturas que podem ser combinadas conforme a sua necessidade.

Seguro Automóvel com rastreador

Uma das modalidades mais “baratas” de seguro automóvel é a contratação de um plano com cobertura de roubo e furto, com a instalação de um equipamento de rastreador. Normalmente, esses planos têm o custo mais baixo do mercado, pois com o rastreador existem grandes chances de a seguradora localizar o seu veículo em caso de roubo ou furto.

O ponto negativo deste tipo de seguro é que ele é bastante limitado. Isso porque ele só proporcionará cobertura aos eventos descritos na apólice. Casos de acidente, colisão parcial ou total e danos causados a terceiros não terão cobertura nesta modalidade.

Veja Também:
7 Dicas para pagar menos no seguro do carro

Seguro Compreensivo

Caso deseje um plano de seguro automóvel com as melhores coberturas, é fundamental partir para um plano compreensivo que possui uma grande combinação de coberturas e com certeza trará maior respaldo em caso de algum sinistro.

Fatores que influenciam bastante o preço do seguro, estão relacionados primeiramente ao perfil de condutor. Quanto mais jovem, ou um perfil que tenha grande histórico de sinistros, mais se entende que há uma tendência a ter prêmios de seguro mais altos. Além disso, os endereços de risco do veículo, ou seja, a residência, trabalho e locais de circulação, também influenciam o valor do seguro.

Outro ponto a ser considerado é o modelo do veículo. Existem modelos com alta sinistralidade, ou seja, que são mais visados para furtos e roubos, o que acaba muitas vezes deixando o custo do seguro automóvel também mais alto.

Além disso, as coberturas adicionais normalmente têm bastante impacto no custo do seguro, mas também fazem total diferença em um momento de necessidade de utilização. As coberturas de danos a terceiros, quilometragem de assistência via guincho, quantidade de dias de carro reserva, franquia para pagamento em caso de acidentes parciais, coberturas para passageiros, danos morais, além de coberturas para acessórios, vidros, faróis, lanternas e retrovisores, devem sempre ser bem avaliadas para que o seu plano atenda a sua necessidade. É muito importante, no momento de cotação de seguro automóvel, que não se tenha pressa. Isso porque é fundamental avaliar todas as coberturas adicionais, para não ter a surpresa desagradável de contratar um plano com cobertura insuficiente para a sua necessidade.

Agora que você já sabe, que tal começar a simular seu Seguro Auto?